T U T O R A : )

carregando...

Três elementos para o sucesso da mentoria

Este artigo sobre como alcançar o sucesso da mentoria é uma tradução adaptada de Mentoring Matters: Three Essential Elements of Success.

Os benefícios de alcançar o sucesso da mentoria

Você faz promessas de Ano Novo relacionadas à carreira? Você está decidido a impulsionar sua carreira e avançar profissionalmente? Nesse caso, considere uma ferramenta de crescimento profissional subutilizada, mas incrivelmente poderosa: mentoria. Agora é o momento perfeito para explorar o impacto positivo que a tutoria pode ter em sua carreira. Seja você o mentor ou o mentorado, esse tipo de relacionamento pode levar sua carreira a novos patamares.

Os benefícios da mentoria são inúmeros. Para indivíduos, estudos mostram que uma boa mentoria pode levar a um maior sucesso na carreira, incluindo promoções, aumentos e mais oportunidades. As empresas que adotam a mentoria são recompensadas com níveis mais altos de envolvimento, retenção e compartilhamento de conhecimento entre os funcionários. De fato, a mentoria se mostrou tão benéfica que 71% das empresas da Fortune 500 oferecem programas de mentoria a seus funcionários.

Embora essas estatísticas sejam animadoras, é importante lembrar que a mentoria não é uma varinha mágica que cria automaticamente sucesso. A verdade é que a mentoria eficaz exige esforço e a criação de relacionamentos bem-sucedidos exige habilidades, sensibilidades e estrutura específicas, tanto do mentor quanto do mentorado. O sucesso da mentoria acontece quando ambas as partes assumem a responsabilidade de fazê-lo funcionar. O sucesso acontece quando as boas práticas são aplicadas aos três elementos principais:

  • O mentor.
  • O mentorado.
  • O relacionamento.

O que faz um bom mentor?

Um bom mentor precisa ser mais do que apenas um indivíduo bem-sucedido. Um bom mentor deve ter disposição e desejo de desenvolver outras pessoas. Requer disposição para refletir e compartilhar as próprias experiências, inclusive as falhas. Os grandes mentores devem ser capazes de “falar o que fazem” e “fazer o que falam”.

Qualidades a serem procuradas em um mentor:

  • Desejo de desenvolver e ajudar os outros. Um bom mentor está sinceramente interessado em ajudar alguém sem nenhuma recompensa “oficial”. Bons mentores fazem isso porque realmente querem ver outra pessoa ter sucesso.
  • A capacidade e disponibilidade de comprometer tempo e energia em tempo real ao relacionamento de mentoria. Boas intenções não são suficientes — a orientação leva tempo!
  • Conhecimento, experiência e/ou habilidades reais e relevantes no seu ramo. Os melhores mentores têm conhecimento profundo em uma área que o mentorado deseja desenvolver.
  • Disposição de compartilhar falhas e experiências pessoais. Os mentores precisam compartilhar suas histórias de “como eu fiz direito” e “como eu fiz errado”. Ambas as experiências oferecem oportunidades valiosas para a aprendizagem.
  • Mentalidade de crescimento e aprendizado. Os melhores professores sempre foram e sempre serão aqueles que continuam sendo curiosos. Você prefere ser aconselhado por alguém cuja mente está fechada porque ele sabe tudo ou por alguém cuja mente está aberta porque ela está sempre procurando aprofundar seus conhecimentos?
  • Habilidade no desenvolvimento de outros. Isso inclui as habilidades muito reais de: escuta ativa, fazer perguntas poderosas e abertas, auto-reflexão, fornecer feedback e compartilhar histórias que incluem histórias pessoais, exemplos de cases e informações honestas.

O que faz um bom mentorado?

Assim como existem características específicas de um mentor de sucesso, existem atributos e sensibilidades que contribuem para um bom mentorado. Isso é importante, porque os mentoreados devem se lembrar de que os mentores estão fazendo isso a partir da bondade de seu coração; portanto, ser um bom mentoreado é a melhor maneira de garantir que o relacionamento desfrute de uma existência saudável e proposital.

Os mentorados precisam ser:

  • Comprometidos em expandir suas capacidades e focados em alcançar resultados profissionais.
  • Claros sobre seus objetivos, necessidades e desejos de carreira. Tutoria não é terapia em que apenas se divaga sem rumo. Os mentorados são responsáveis por criar a agenda de mentoria; portanto, devem ser claros sobre o que esperam obter com a mentoria.
  • Dispostos a pedir ajuda, mostrar vulnerabilidade e explorar diferentes caminhos e perspectivas. Os mentores devem ser abertos e receptivos a aprender e experimentar novas idéias. Nenhum mentor deseja aconselhar alguém que não está aberto a aprender!
  • Capazes de buscar e aceitar feedback — do tipo “construtivo” — e agir de acordo com ele.
  • Pessoalmente responsáveis e confiáveis. Os mentores querem ver movimento e crescimento. Se você diz que vai fazer alguma coisa, faça! Ficar à margem de um relacionamento de mentoria não vai funcionar.
  • Preparados, dispostos e capazes de se encontrar regularmente. Os relacionamentos levam tempo para se desenvolver; portanto, os mentorados também devem estar comprometidos em defender seu fim da barganha.

O relacionamento é essencial para o sucesso da mentoria

O relacionamento entre mentor e mentorado deve ser gerenciado e nutrido. É um empreendimento conjunto que exige que ambas as partes participem ativamente de seus cuidados. As chances de criar e manter um relacionamento bem-sucedido de mentoria são aumentadas com a adoção de algumas boas práticas simples:

Projete a Aliança. Aproveite o tempo para discutir a estrutura do relacionamento. Ambas as partes precisam ter um entendimento compartilhado do processo de relacionamento. Isso significa discutir e articular coisas como:

  • Tempos de contato e resposta: Quem contata quem? Quão regularmente? Quais são os tempos de resposta aceitáveis?
  • Reuniões: Onde, quando e com que frequência? Você está se encontrando pessoalmente? No telefone? Virtualmente?
  • Confidencialidade: O que é compartilhável e o que não é?
  • Foco: Quais são os parâmetros da mentoria? O que há dentro e fora dos limites?
  • Feedback: Quais são as expectativas em relação a dar e receber feedback?
  • Metas e responsabilidade: O que cada uma das partes espera dessa experiência? Que responsabilidades o mentor espera do mentorado? Que responsabilidades o mentorado espera do mentor?

Conhecer um ao outro 

Um relacionamento de mentoria é como qualquer outro relacionamento — leva tempo para se desenvolver. E, como outros relacionamentos, ele crescerá mais rápido e mais forte se as duas partes tiverem tempo para se conhecer como pessoas. Resista à tentação de mergulhar de cabeça na solução e aconselhamento de problemas de carreira. Crie confiança aprendendo um com o outro!

Defina a agenda

Ambas as partes precisam ser claras sobre o objetivo e o foco da mentoria. Além disso, o mentor e o mentorado devem articular o que esperam obter da experiência.

Refletir e avaliar

A cada poucas reuniões, uma (ou ambas) as partes devem perguntar: “Como isso está indo para você? O que tem sido útil? O que não tem? O que eu poderia fazer de diferente para tornar essa experiência mais gratificante?” Por mais estranho que possa parecer, iniciar conversas avaliativas manterá o relacionamento funcionando para vocês dois e ajudará a garantir o sucesso da mentoria. 

Faça um fechamento

Se você faz parte de um relacionamento formal de mentoria ou negociou um número específico de reuniões de mentoria, reserve um tempo para encerrar. É quando cada parte deve olhar para trás e refletir. O que foi mais gratificante? O que você achou mais valioso? Pelo que você é mais grato? Os mentores e mentorados devem expressar claramente sua apreciação pelo outro. Seja específico sobre o que aprendeu e ganhou com a experiência.

A mentoria é uma ótima oportunidade para oferecer uma experiência gratificante e potencialmente transformadora para o mentor e o mentorado. É uma das coisas mais importantes que uma pessoa pode fazer para melhorar sua carreira e vida profissional. Leva tempo e comprometimento, mas vale a pena o esforço. Seja você o mentor ou o mentorado, é uma vitória para sua carreira.

Artigos relacionados

Posts recentes

7 dicas para organizar os estudos e se sair bem na faculdade!
Você sabe como a mentoria da Tutora pode te ajudar no processo de recolocação profissional
É possível encontrar um novo trabalho com cargo compatível à experiência na área?